Sylador



Indicação

Para que serve?

Este medicamento é indicado no alívio
de dores moderadas e severas, devido a diversas causas como, cirurgias, traumas, cãncer, dentes e outros.

Posologia

Como usar?

A dose a usar de Sylador, deverá ser ajustada pelo médico de acordo com a intensidade
da dor.
As doses habitualmente recomendadas são para adultos e crianças maiores de 12 anos:

  • Comprimidos

1 a 2 comprimidos, 2 a 3 vezes ao dia até um máximo
de 400 mg (8 comprimidos de 50mg).

  • Solução oral

Administrar cerca de 20 gotas em água açucarada.
Caso esta dose não produza o efeito terapêutico desejado, poderá ser administrada uma nova dose após 30 a 60 minutos.
Em casos de dor intensa, a dose poderá ser aumentada até um máximo de 400mg diários (20 gotas 8 vezes ao dia).

  • Cápsulas gelatinosas com microgrânulos de liberação prolongada

Administrar 1 cáspula com um pouco de água, de referência pela manhã e à noite.
A dose máxima não deve ultrapassar 400mg diários.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

O uso de Sylador, poderá causar alguns efeitos secundários como suores intensos, tonturas, náuseas, secura da
boca ou sonolência.

publicidade

Contraindicações

Quando não devo usar?

O Sylador não poderá ser utilizado em pessoas com alergia ao cloridrato de
tramadol ou a qualquer outro componente da fórmula, ou em casos de intoxicação alcoólica ou por medicamentos depressores do
sistema nervoso central.

Farmacocinética

Como funciona?

A substância ativa do Sylador é o cloridrato de tramadol, um analgésico de ação central eficaz no controle da dor de intensidade moderada ou severa.
Esta substância atua interagindo com
receptores específicos do sistema nervoso central, inibindo a sensação da dor.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Deve evitar-se o uso deste remédio em recem-natos, grávidas e mulheres a amamentar e adequar a posologia em pessoas com problemas no funcionamento dos rins.

O Sylador deverá ser usado com cautela em pessoas com doença pulmonar obstrutiva cronica.

Durante o tratamento com este medicamento, deve-se evitar dirigir veiculos e operar maquinas perigosas, consumir bebidas alcoólicas e medicamentos calmantes, bem como o uso prolongado deste remédio.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Em casos de superdosagem, deve-se iniciar tratamento o mais imediato possível, prestando-se especialmente atenção na ventilação adequada da pessoa, recorrendo-se se necessário a oxigenação assistida. Substâncias que consigam contrariar o eventual efeito de depressão respiratória causada pelo Sylador, como naloxona, também poderrão ter de ser utilizadas.

Composição

Comprimidos:
Cada comprimido contém:
Cloridrato de tramadol __________________________50mg
(excipientes q.s.p. 1 comprimido, amido de milho, estearato de magnésio, lactose, povidona).


Solução oral
Cada mL de solução contém:
Cloridrato de tramadol__________________________ 50mg
(Excipientes q.s.p. 1 mL: aroma de framboesa, ciclamato de sódio, metilparabeno, propilparabeno,
sacarina sódica, ácido clorídrico, água purificada).


Cápsulas gelatinosas com microgrânulos de liberação prolongada
Cada cápsula contém:
Cloridrato de tramadol_________________________ 100mg
(Excipientes q.s.p. 1 cápsula: esferas de sacarose, magrogol, dimeticona, talco, poliacrilato, hipromelose).

Laboratório

Sanofi

- SAC 0800-703 00 14

Dizeres legais:

MS. 1.1300.1038
Farm. Resp.: Antonia A. Oliveira
CRF-SP no 5854

< Suxar < Sylador > Sylvant >
publicidade