Propilracil 100 mg

Atualizado em: Junho 2018


publicidade

Indicação

Para que serve?

O Propilracil em comprimidos é indicado para o tratamento do hipertireoidismo.

Além disso, também é indicado quando a cirurgia de retirada de tireoide for contraindicada ou não recomendável.

Posologia

Como usar?

Uso em Adultos

A dose inicial é de 1 comprimido a cada 8 horas, totalizando uma dose diária total de 300 mg, o que equivale a 3 comprimidos. Em pacientes com hipertireoidismo grave, grandes bócios, ou ambos, a dose inicial poderá ser de 2 comprimidos a cada 8 horas, totalizando uma dose diária total de 600 mg, o que equivale a 6 comprimidos.

A dose de manutenção para a maioria dos pacientes é de 100 a 200 mg por dia, o que equivale a 1 a 2 comprimidos, em doses fracionadas.

Uso em Crianças

Para crianças de 6 a 10 anos de idade, a dose inicial é de 50 a 150 mg por dia, em doses fracionadas.

Para crianças acima de 10 anos, a dose inicial é de 150 a 300 mg por dia, em doses fracionadas.

A dose de manutenção é determinada de acordo com a resposta do paciente.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Embora seja raro, podem ocorrer reações adversas como náusea, vômito, coceira, sonolência, vertigem, febre, dor de garganta, vermelhidão da pele, dores de cabeça, mal-estar, dores nas articulações, alterações da sensibilidade, perda do paladar, queda anormal de cabelos, dores musculares, inchaço, nflamação nos nervos, alterações da coloração da pele, icterícia, alterações das glândulas salivares e dos gânglios.

As reações adversas mais graves são ainda menos frequentes e incluem diminuição importante no número de células de defesa no sangue, uma síndrome semelhante ao lúpus, hepatite, periarterite, diminuição de um dos fatores de coagulação do sangue, trombocitopenia, sangramento e febre.

Contraindicações

Quando não devo usar?

O Propilracil é contraindicado em pessoas que apresentam hipersensibilidade à propiltiouracila ou a qualquer componente da fórmula, e no período de amamentação, uma vez que o medicamento é excretado no leite materno.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Recomenda-se cautela aos pacientes em uso concomitante com outras substâncias que podem causar diminuição importante no número de células de defesa no sangue.

As pessoas em tratamento com Propilracil devem ser monitorados e informados da necessidade de relatarem imediatamente qualquer ocorrência como febre, dores de garganta, erupções cutâneas, dores de cabeça ou mal-estar.

O médico deve ser informado da ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término. Caso seja indicado o uso do Propilracil durante a gravidez, o mesmo deve ser feito sob rigoroso acompanhamento médico, porque este medicamento não é indicado para grávidas ou lactantes.

Mecanismo de Ação

Como funciona?

O Propilracil tem na sua composição propiltiouracila, que inibe a produção dos hormônios da tireoide, inibindo a tireoide peroxidase, que é uma enzima da tiroide.

Além disso, inibe também a conversão periférica de T4, que é um hormônio produzido pela tiroide, para T3, que é um hormônio produzido em outros locais do organismo, a partir do T4, ação que pode contribuir na eficácia do tratamento de hipertireoidismo.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Até o momento, não foram evidenciados dados referentes à superdosagem.

No caso de ocorrência de superdosagem, são indicadas lavagem do estômago e medidas gerais de suporte.

Composição

Cada comprimido contém:

Propiltiouracila_________________________________100 mg

Excipientes__________________________q.s.p. 1 comprimido

(Excipientes: amido, carbonato de cálcio, povidona, amidoglicolato de sódio e estearato de magnésio).

Laboratório

Biolab Sanus Farmacêutica Ltda.

SAC: 0800 724 6522

Dizeres legais:

MS 1.0974.0013 | Farm. Resp.: Dr. Dante Alario Jr. - CRF-SP nº 5143

< Pronazol < Propilracil 100 mg > Propranolol >
publicidade