Minoxidil: Como usar na barba, cabelo e sobrancelha

Atualizado em: Maio 2018


publicidade

O minoxidil em solução é um remédio estimulante do crescimento capilar que pode ser usado para tratar a queda de cabelo androgénica ou areata, engroçar sobrancelhas ou mesmo corrigir falhas na barba.

O minoxidil está disponível a vários preços, já que existem várias marcas diferentes para venda, como Aloxidil, Rogaine, Pant ou Kirkland, por exemplo, ou este produto pode ainda ser manipulado numa farmácia.

Antes de utilizar este produto, é muito importante falar primeiro com o médico, devido às contraindicações deste remédio e possíveis efeitos colaterais.

Como usar

Geralmente, o minoxidil está disponível nas concentrações de 2% e 5%, em frascos conta-gotas ou em spray e pode ser usado em várias situações, mas só se aprovado pelo médico:

1. Minoxidil para queda de cabelo

Para o tratamento da queda de cabelo, o minoxidil deve ser aplicado uniformemente no couro cabeludo seco. Deve-se aplicar cerca de 1 mL, duas vezes ao dia, com 12 horas de intervalo e depois deve-se fazer uma massagem para que a absorção seja mais eficaz e para ter melhores resultados. 

A duração do tratamento deve ser estabelecida pelo médico, mas geralmente a aplicação deste produto deve ser feita durante 3 meses no mínimo. Na maior parte dos casos, o médico receita o minoxidil com uma concentração de 2% para as mulheres e 5% para os homens.

2. Minoxidil para barba

Para preencher falhas existentes na barba, o minoxidil a 5% também pode ser aplicado da mesma forma que é aplicado no couro cabeludo, no entanto, o melhor é optar por um frasco conta-gotas, de forma a poder aplicar o produto  primeiro nas mãos e depois nas regiões da barba que se pretende tratar.

Depois disto, deve ser aplicado um produto hidratante e nutritivo, como um óleo de côco ou amêndoas doces, por exemplo, para evitar o ressecamento e reduzir o cheiro do medicamento.

3. Minoxidil para engroçar sobrancelha

O minoxidil também pode ser usado para engrossar as sobrancelhas. Para isso, a solução deve ser aplicada com a ajuda de um cotonete ou então pode ser preparado na farmácia um gel com minoxidil, que vai ser mais fácil de aplicar e não vai escorrer pelo rosto da mesma forma que a solução.

Depois de aplicar o minoxidil também pode ser aplicado um óleo na sobrancelha, para que não fique ressecada.

Para todos os casos, é importante usar um produto que evite o ressecamento da pele e do couro cabeludo, lavar bem as mãos depois da aplicação, ter cuidado com a região dos olhos e não exceder os 2 mL diários.

Deve-se ainda evitar aplicar este produto imediatamente antes de dormir, porque pode transferir para o travesseiro e entrar em contacto com outras partes do corpo.

Possíveis efeitos colaterais

O minoxidil aplicado topicamente é geralmente bem tolerado, no entanto os efeitos colaterais que podem ocorrer com mais frequência são coceira, secura, descamação, irritação, dermatite irritativa, sensação de queimadura e aumento dos pêlos na face, sobrancelhas, ouvido e braços.

Além disso, embora seja mais raro, pode também ocorrer eczema, foliculite, eritema local, exacerbação de dermatite seborreica, dermatite alérgica de contacto, retenção de líquidos, palpitações, dor no peito, taquicardia, alterações no eletrocardiograma e aumento da frequência e débito cardíaco.

Veja ainda como funciona e quem não deve usar o minoxidil, na bula do medicamento.

publicidade