Metronidazol comprimido

Bula do remédio genérico Metronidazol comprimido. Classe terapêutica dos Antibacterianos e Antiparasitários. Princípios Ativos Metronidazol.

Indicação

Para que serve?

Metronidazol é indicado para o tratamento de infecções causadas por vermes, como giardíase, amebíase e tricomoníase, no tratamento de vaginites e uretrites causadas por Gardnerella vaginalis, e no tratamento de outras infecções causadas por bactérias anaerobias como Bacteroides fragilis, Fusobacterium sp, Clostridium sp, Eubacterium sp e cocos anaeróbios, em adultos e crianças.

Farmacocinética

Como funciona?

Metronidazol é um composto com propriedades anti-infecciosas e atividade antimicrobiana, contra microorganismos anaeróbios, ou seja, microorganismos que crescem na presença de baixas concentrações ou completa ausência de oxigênio. Além disso, Metronidazol possui também uma atividade antiparasitária, eliminando vermes e parasitas do corpo.

Posologia

Como usar?

Tratamento da Tricomoníase

  • Geralmente, a dose recomendada é de 2 g de Metronidazol administradas em dose única, ou 250 mg administrados 2 vezes por dia, durante 10 dias, ou 400 mg administrados 2 vezes ao dia, durante 7 dias.
  • Além disso, os parceiros sexuais também devem ser tratados com 2 g de Metronidazol administradas em dose única.

Tratamento de Vaginites e uretrites por Gardnerella vaginalis

  • Geralmente, a dose recomendada é de 2 g de Metronidazol administradas em dose única, no 1º e 3º dia de tratamento, ou 400 a 500 mg administrados 2 vezes por dia, durante 7 dias. Além disso, os parceiros sexuais também devem ser tratados com 2 g de Metronidazol administradas em dose única.

Tratamento da Giardíase

  • A dose recomendada é de 250 mg, administrados 3 vezes por dia, durante 5 dias.

Tratamento da Amebíase

  • A dose recomendada para o tratamento da Amebíase intestinal ou hepática é de 500 mg, administrados 4 vezes por dia, durante 5 a 7 dias.

Tratamento de infecções causadas por bactérias anaeróbias

  • Geralmente, a dose recomendada é de 400 mg, administrados 3 vezes por dia, durante cerca de 7 dias, ou de acordo com indicação médica.

A dose recomendada e a duração do tratamento com Metronidazol devem ser indicadas pelo seu médico, pois estas dependem do problema a tratar e da resposta individual de cada paciente ao tratamento.

Os comprimidos de Metronidazol devem ser engolidos inteiros, juntamente com um copo de água, sem partir ou mastigar.

publicidade

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Alguns dos efeitos colaterais de Metronidazol podem incluir dor no estômago, náusea, vômito, diarreia, gosto metálico na boca, inchaço na pele, urticária, vermelhidão e coceira na pele, dores de cabeça, convulsões, tontura, dificuldade de andar, confusão, alucinações, humor depressivo, visão dupla, miopia, visão borrada, coloração amarelada da pele e olhos ou febre.

Contraindicações

Quando não devo usar?

Metronidazol está contraindicado para pacientes com alergia ao Metronidazol, a outros derivados imidazólicos ou a algum dos componentes da fórmula.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Antes de usar Metronidazol, deverá falar com o seu médico se estiver grávida ou amamentando, tiver disfunção no sistema nervoso central com falência hepática, tiver doença severa, ativa ou crônica, do sistema nervoso central e periférico ou se estiver a tomar outros medicamentos, incluindo medicamentos sem receita médica.

Durante o tratamento com Metronidazol, caso sinta sintomas como sensações desconfortáveis na pele como frio, calor, formigamento ou pressão, falta de coordenação dos movimentos, tontura ou convulsões, deve consultar o médico logo que possível.

Durante o tratamento com Metronidazol deve tomar especial cuidado ao dirigir veículos ou máquinas, pois este medicamento pode causar confusão, tontura, alucinações, convulsões ou alterações na visão.

O tratamento com Metronidazol​ nunca deve ser interrompido sem conhecimento do seu médico e os horários, as doses e duração do tratamento devem ser rigorosamente respeitados.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Em caso de toma excessiva de Metronidazol​​, deve dirigir-se ao hospital mais próximo, levando a embalagem ou bula do medicamento.

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar este medicamento?

Caso se esqueça de tomar uma dose de Metronidazol, deve tomar a dose esquecida logo que se lembre. Porém, se já se encontrar muito próximo do horário da dose seguinte, deve ignorar a dose esquecida, e tomar apenas a dose do horário seguinte.

Composição

Metronidazol por cada comprimido contém:

Metronidazol _________________________________ 250 mg
Excipiente ______________________________ 1 comprimido

(Excipientes: lactose monoidratada, amido, povidona, estearato de magnésio, copolímero de polivinil álcool-polietilenoglicol e macrogol).

Interações Medicamentosas

Metronidazol não deve ser administrado em conjunto com alguns medicamentos ou substâncias sem orientação médica, como bebidas alcoólicas, medicamentos que contenham álcool na sua composição, Dissulfiram, anticoagulante oral como varfarina, Lítio, Ciclosporina, Fenitoína, Fenobarbital, 5-fluorouracil ou juntamente com Bussulfano.

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar este medicamento?

Caso se esqueça de tomar uma dose de Metronidazol, deve tomar a dose esquecida logo que se lembre. Porém, se já se encontrar muito próximo do horário da dose seguinte, deve ignorar a dose esquecida, e tomar apenas a dose do horário seguinte.

Laboratório

Prati, Donaduzzi & Cia Ltda.

- SAC: 0800 709 9333 

Outro medicamento semelhante a Metronidazol pode ser o Nitrato de miconazol.

Dizeres Legais:

Ms: 1.2568.0182
Farm. Resp.: Dr. Luiz Donaduzzi

publicidade
< Metri < Metronidazol comprimido > Metrotex >