Gino loprox



Indicação

Para que serve?

Indicado para tratar infecções fúngicas genitais.

Posologia

Como usar?

É administrado por meio de aplicador intravaginal que contém 5 g de ciclopirox olamina, antes de deitar, durante 6 dias consecutivos. Se necessário, prolongar o tratamento por mais 6 dias ou a critério médico.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Os efeitos colaterais mais comuns são irritação, vermelhidão, dor, queimação e coceira no local da aplicação.

publicidade

Contraindicações

Quando não devo usar?

Não deve ser usado por pessoas com alergia a qualquer componente da fórmula.

Mecanismo de Ação

Como funciona?

Gino-Loprox contém na sua fórmula ciclopirox olamina, uma substância que destrói os fungos que causam infeção na região genital.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Não existem estudos adequados e bem controlados em mulheres grávidas ou a amamentar, logo, o uso deste medicamento durante estes períodos só deverá ser feito se indicado pelo obstetra.
Além disso, a segurança e eficácia em crianças com menos de 10 anos de idade não foi estabelecida.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Não existem informações sobre quais as consequências do uso de dose superior à indicada. Caso isto aconteça, deve-se consultar o médico imediatamente.

Composição

Cada g contém:

Ciclopirox olamina __________________________10 mg

Excipiente q.s.p.______________________________1 g

(Excipientes: álcool benzílico, 2-octildodecanol, parafina líquida, álcool estearílico, álcool cetílico, álcool miristílico, polissorbato 60, monoestearato de sorbitan, ácido lático, água purificada).

Laboratório

Sanofi

- SAC 0800-703 00 14

Dizeres legais:

Gino-Loprox MS 1.1300.0002 | Farm. Resp.: Antonia A. Oliveira

< Gino Kollagenase < Gino loprox > Gino Pletil >
publicidade