Duomo

publicidade

Indicação

Para que serve?

O Duomo é um medicamento que tem doxazosina na sua composição, indicada para tratar a hiperplasia benigna da próstata e a hipertensão.

Posologia

Como usar?

A posologia de Duomo depende do problema que se deseja tratar:

Hiperplasia prostática benigna:

A dose inicial recomendada é de 1 mg administrado em dose única diária, por via oral, a fim de minimizar a potencial ocorrência de hipotensão postural e/ou síncope. Conforme a resposta individual da pessoa, a dose pode ser aumentada após 1 ou 2 semanas de tratamento para 2 mg, e assim a intervalos similares para 4 mg e 8 mg, sendo esta a dose máxima recomendada.

Hipertensão:

A dose total varia de 1 a 16 mg diários. Recomenda-se uma dose inicial de 1 mg administrado em dose única diária por 1 ou 2 semanas, a fim de minimizar a potencial ocorrência de hipotensão postural e/ou síncope. Dependendo da resposta individual do paciente, a dose pode ser aumentada após 1 ou 2 semanas de tratamento para 2 mg, e assim a intervalos similares para 4 mg, 8 mg e 16 mg, até se obter a redução de pressão desejada. O intervalo de dose usualmente recomendado é de 2 a 4 mg diários.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Os efeitos colaterais mais comuns que podem ocorrer com o uso de Duomo são infecçõesdo trato respiratório e urinário, sonolência, tonturas, dor de cabeça, vertigens, palpitações, taquicardia, hipotensão, hipotensão postural, bronquite, tosse, dispneia, rinite, dor abdominal, má digestão, boca seca, náuseas, coceira generalizada, dor de costas, dor muscular, cistite, incontinência urinária, cansaçõ, dor no peito, sintomas semelhantes aos de gripe e inchaço generalizado.

Contraindicações

Quando não devo usar?

O Duomo é um remédio que está contraindicado em pessoas com hipersensibilidade ao princípio ativo, outros tipos de quinazolinas ou a qualquer um dos excipientes, história de hipotensão ortostática, hiperplasia benigna da próstata e congestão concomitante do trato urinário superior e infecção crônica do trato urinário ou cálculos na bexiga.

Além disso, também não deve ser usado durante a gravidez e a lactação.

Pacientes com hipotensão apenas devem usar o medicamento para o tratamento da hiperplasia benigna da próstata se o médico assim o indicar.

Também está contraindicado como monoterapia em pacientes com transbordamento da bexiga ou anúria com ou sem insuficiência renal progressiva.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Este remédio deve ser usado com cautela em pessoas com edema pulmonar devido a estenose aórtica ou mitral ou com insuficiência cardíaca.

Também deve ser usado com cuidado em pessoas com insuficiência hepática ou renal ou que estejam a usar outros inibidores da 5-fosfodiesterase.

Pode ocorrer priapismo. Nestes casos, deve-se ir imediatamente ao médico.

Mecanismo de Ação

Como funciona?

Hiperplasia prostática benigna

A HPB é uma causa comum de obstrução do fluxo urinário em homens de certa idade, que pode levar à retenção urinária e danos renais. O componente dinâmico da HPB está associado a um aumento no tônus muscular liso na próstata e no colo da bexiga. O tônus nesta área é mediado pelo adrenoreceptor alfa-1, que está presente em grande quantidade no estroma prostático, cápsula prostática e colo da bexiga. O bloqueio do adrenoreceptor alfa-1 pela doxazosina diminui a resistência uretral e pode aliviar a obstrução e os sintomas da HPB.

Hipertensão

A administração de doxazosina a pacientes hipertensos produz uma redução clinicamente significativa da pressão sanguínea como resultado da redução da resistência vascular sistêmica. Acredita-se que este efeito seja resultado do bloqueio seletivo de adrenoreceptores alfa-1, localizados nos vasos sanguíneos. Com dose única diária, reduções clinicamente significativas da pressão sanguínea são obtidas durante todo o dia até 24 horas após a administração.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Caso a superdose resulte em hipotensão, o paciente deve ser imediatamente colocado na posição supina, com a
cabeça mais baixa.

Além disso, deve-se ir imediatamete à urgência médica.

Composição

Cada comprimido contém:

Mesilato de doxazosina * _______________________2,426 mg

Excipientes q.s.p___________________________1 comprimido

* Cada 2,426 mg de mesilato de doxazosina correspondem a 2 mg de doxazosina base.

(Excipientes: lactose monoidratada, amidoglicolato de sódio, laurilsulfato de sódio, estearato de magnésio e celulose microcristalina).

Laboratório

Eurofarma Laboratórios

SAC: 0800 704 3876

Dizeres legais:

M.S.: 1.0043.1005 | Farm. Resp.: Dra. Maria Benedita Pereira – CRF-SP 30.378

< Duoflam < Duomo > Duomo HP >
publicidade