Como melhorar o efeito dos remédios para dormir



Os remédios para dormir têm um efeito calmante que ajuda a relaxar o corpo e a mente, sendo muito utilizados para melhorar a qualidade do sono de pessoas que têm dificuldade para dormir ou que não conseguem dormir a noite toda.

No entanto, muitos destes medicamentos podem ter um efeito viciante e, por isso, sua ação pode ir diminuindo ao longo do tempo, uma vez que o corpo se vai acostumando, especialmente quando as doses são muito altas. Assim, para tentar reduzir a dose necessária, existem algumas dicas que podem ajudar a melhorar o efeito destes medicamento naturalmente, como:

  • Tomar o remédio 30 minutos antes da hora de dormir: geralmente, é o tempo que estes medicamentos demoram para apresentar o efeito desejado;
  • Evitar refeições pesadas nas 3 horas antes de dormir: não comer muito antes de dormir e evitar alimentos com muita gordura ou proteína, uma vez que torna a digestão difícil, provocando aumento de atividade no organismo e dificultando o sono;
  • Evitar tomar chá, café e outras bebidas com cafeína nas 5 horas antes de dormir: este tipo de bebida é um estimulante cerebral e, por isso, pode causar dificuldade para pegar no sono;
  • Preparar o quarto para dormir: não ter luz ou ruídos que possam causar distração e despertar do sono;
  • Tomar banho antes de deitar: um banho quente faz com que os músculos relaxem;
  • Não usar celular, computador ou ver televisão uma hora antes de dormir: estimulam o cérebro e fazem com que a pessoa não relaxe devidamente;
  • Tomar uma bebida quente como chá sem caféina ou chocolate quente antes de dormir: as bebidas quentes, sem cafeína, ou outro tipo de estimulantes, têm um efeito calmante e relaxante;
  • Não ficar na cama acordado: no caso de permanecer-se acordado, deve-se levantar da cama de forma a não causar mau estar muscular e ansiedade por não se conseguir dormir;
  • Evitar tirar cochilos durante o dia: dormir durante a tarde altera o ciclo de sono;
  • Criar um horário regular de sono: deitar e acordar sempre à mesma hora, ajuda o organismo a criar ritmos de sono e com isso melhorar a qualidade do descanso.

Para casos mais simples, uma opção ao uso de medicamento de farmácia é utilizar remédios naturais à base de extratos de plantas, com ação calmante, ou de melatonina, um hormônio produzido naturalmente no organismo que é o causador do sono. São exemplo, o Circadin para adultos ou o Melamil para crianças e bebês.

Alguns medicamentos como o Valium, Xanax ou Lexotan possuem na sua constituição substâncias tranquilizantes e indutoras do sono que causam vício. Por essa razão, só devem ser utilizados por indicação do médico e em situações mais complicadas.

publicidade