Clorpromazina

publicidade

Indicação

Para que serve?

Clorpromazina gotas ou Clorpromazina comprimido 25 mg ou 100 mg é indicada para o tratamento de quadros psiquiátricos agudos e no controle de psicoses de longa evolução. Além disso, Clorpromazina também é indicada para o tratamento do tétano, do enjoo e do vômito, da dor em obstetrícia, da eclâmpsia e da agitação e ansiedade, em adultos.

Para crianças, Clorpromazina é também indicada no tratamento da ansiedade, agitação, soluços incoercíveis, náuseas, vômitos e neurotoxicoses.

Posologia

Como usar?

As quantidades de Clorpromazina gotas, Clorpromazina 25 mg ou Clorpromazina 100 mg a utilizar e a duração do tratamento, devem ser indicadas pelo médico, pois dependem do problema a tratar, do estado da doença e da resposta individual de cada paciente ao tratamento.

Geralmente, a dose indicada para adultos varia de 25 a 1600 mg por dia, e em crianças nunca deve ser excedida a dose máxima diária de 75 mg de Clorpromazina por dia.

Os comprimidos de Clorpromazina devem ser engolidos inteiros, sem partir ou mastigar, juntamente com um copo de água.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Alguns dos efeitos colaterais de Clorpromazina incluem ganho de peso, sedação, sonolência, problemas de equilíbrio e movimentação, boca seca, prisão de ventre, pressão baixa após se levantar ou movimentos incontroláveis.

Contraindicações

Quando não devo usar?

Clorpromazina está contraindicado para crianças com menos de 2 anos de idade, pacientes com glaucoma de angulo fechado, risco de retenção urinária associada a problemas na uretra e próstata, historial de comas causados por medicamentos barbitúricos ou por ingestão de bebidas alcoólicas ou historial de sensibilidade às fenotiazinas, pacientes com febre, pacientes com problemas ou doença no coração ou fígado, depressão severa do sistema nervoso central e para pacientes com alergia a algum dos componentes da fórmula.

Além disso, durante o tratamento com Clorpromazina está contraindicada a ingestão de álcool, Lítio e Sultoprida.

Mecanismo de Ação

Como funciona?

A Clorpromazina é um medicamento antiemético e antipsicótico, que age no sistema nervoso central, controlando os mais variados tipos de excitação, sendo eficaz no tratamento de perturbações mentais e emocionais.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Antes de usar Clorpromazina​, deverá falar com o seu médico se estiver grávida, pretender engravidar ou se estiver amamentando, tiver mais de 65 anos, tiver alterações nos exames de sangue, câncer da mama, doença de Parkinson, distúrbios convulsivos ou úlcera no estômago, doença no coração fígado ou rim, fatores de risco para tromboembolismo, nível alto de açúcar no sangue, intolerância à glicose, diabetes ou fatores de risco para desenvolvimento de diabetes, tiver risco de derrame cerebral, pressão alta ou pressão baixa,

Durante o tratamento com Clorpromazina deve tomar especial cuidado antes de dirigir veículos ou maquinas, pois este medicamento pode afetar a habilidade e atenção.

O tratamento com Clorpromazina nunca deve ser interrompido sem conhecimento do seu médico e os horários, as doses e duração do tratamento devem ser rigorosamente respeitados.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Em caso de toma excessiva de Clorpromazina​, deve dirigir-se ao hospital mais próximo, levando a embalagem ou bula do medicamento.

Composição

Clorpromazina gotas por cada 1 ml, cerca de 40 gotas, contém:

Cloridrato de Clorpromazina _____________________ 44,5 mg
(equivalente a 40 mg de Clorpromazina base)
Excipientes _____________________________________ 1 ml

(Excipientes: ácido ascórbico, sacarose líquida, álcool etílico 96° GL, glicerol, caramelo, essência de hortelã e água purificada).

Clorpromazina 25 mg por cada comprimido revestido contém:

Cloridrato de Clorpromazina ______________________ 28 mg
(equivalente a 25 mg de Clorpromazina base)
Excipientes ______________________________ 1 comprimido

(Excipientes: amido de milho, sacarose, lactose monoidratada, dióxido de silício, estearato de magnésio, hipromelose, macrogol 20000, laca branca de óxido de titânio e corante amarelo crepúsculo FD&C n°6).

Clorpromazina 100 mg por cada comprimido revestido contém:

Cloridrato de Clorpromazina _____________________ 112 mg
(equivalente a 100 mg de Clorpromazina base)
Excipientes ______________________________ 1 comprimido

(Excipientes: amido de milho, sacarose, lactose monoidratada, dióxido de silício, estearato de magnésio, hipromelose, croscarmelose sódica, macrogol 20000, laca branca de óxido de titânio e corante amarelo crepúsculo FD&C n° 6).

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar este medicamento?

Caso ocorra o esquecimento da administração de uma dose de Clorpromazina deverá tomar a dose esquecida logo que se lembre, desde que não se encontre muito próximo do horário da dose seguinte. As doses de Clorpromazina nunca devem ser administradas a dobrar ou em horários muito próximos.

Interações Medicamentosas

Clorpromazina não deve ser administrado em conjunto com alguns medicamentos ou substâncias sem orientação médica, como bebidas alcoólicas, levodopa, lítio, sultoprida, antidiabéticos, medicamentos para tratar problemas no estômago e intestino, medicamentos inibidores do citocromo P450 isoenzimal A2 como ciprofloxacina, enoxacina, fluvoxamina, clinafloxacina, idrocilamida, oltipraz, ácido pipemídico, rofecoxibe, etintidina, zafirlucaste, anti-hipertensivos, atropina, guanetidina ou juntamente com outros medicamentos depressores do sistema nervoso central.

Laboratório

Sanofi

- SAC 0800-703 00 14

A Clorpromazina​ também pode ser conhecida comercialmente como Amplictil, e outros medicamentos semelhantes podem ser Clopsina, Clorpromaz ou Longactil.

Dizeres Legais:

MS 1.1300.0297
Farm. Resp. Silvia Regina Brollo

< Clorpromaz < Clorpromazina > Clotrimazol >
publicidade