Clarvisol colírio

Atualizado em: Abril 2018


publicidade

Indicação

Para que serve?

O Clarvisol é indicado para o tratamento e prevenção do progresso da catarata.

Além disso, também é indicado no pós-operatório das cirurgias extracapsulares da catarata, isto é, naquelas em que ficaram resíduos do cristalino após o ato cirúrgico e na terapêutica das cataratas traumáticas.

Posologia

Como usar?

Este medicamento só deve ser utilizado depois de preparado da seguinte forma:

Colocar o comprimido no frasco conta-gotas, que contém 15 ml de veículo especial e agitar até a completa dissolução. Obtém-se uma solução amarelada, transparente, pronta para uso tópico ocular.

A dose usual é de 1 ou 2 gotas em cada olho, 6 vezes por dia.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Os efeitos colaterais que podem ocorrer com o uso deste medicamento são ceratite superficial difusa, inflamação da pálpebra, vermelhidão conjuntival, ardor nos olhos ou coceira nos olhos, sensação de corpo estranho nos olhos, visão embaçada, lacrimejamento, sensação de ponto escuro ou mancha na visão, secreção ocular, sensação de tontura e diarréia.

Contraindicações

Quando não devo usar?

Este remédio é contraindicado para pessoas que apresentam alergia a qualquer um dos componentes da sua fórmula.

Além disso, também não deve ser usado em mulheres grávidas ou que estejam a amamentar sem a orientação do médico.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Para não contaminar o colírio deve-se evitar o contato do conta-gotas com qualquer superfície ou com os olhos.

As pessoas que usam lentes de contacto devem retirá-las antes de aplicar o medicamento e aguardar cerca de 15 minutos antes de as voltar a colocar.

Mecanismo de Ação

Como funciona?

O Clarvisol forma complexos solúveis com as proteínas do cristalino, impedindo a progressão da catarata.

Composição

Cada comprimido contém:

Pirenoxina sódica______________________________0,85 mg*

*equivalente a 0,75 mg de pirenoxina

Excipientes__________________________q.s.p. 1 comprimido

(Excipientes: taurina, ácido bórico, povidona e álcool etílico).

Cada frasco contém: 15 ml de veículo constituído de cloreto de potássio, edetato dissódico, cloreto de benzalcônio, borato de sódio, ácido bórico e água purificada.

Armazenamento

Onde como e por quanto tempo posso guardar?

O Clarvisol deve ser mantido sob refrigeração após a dissolução do comprimido e só deve ser utilizado ate 30 dias, no máximo.

Laboratório

.

Dizeres legais:

Reg. ANVISA/MS - 1.0147.0126 | Farm. Resp.: Elizabeth Mesquita | CRF-SP nº 14.337

< Claritromicina < Clarvisol colírio > Claudic >
publicidade