Angeliq

publicidade

Indicação

Para que serve?

O Angeliq é indicado na terapia de reposição hormonal para o tratamento de sintomas característicos da pós-menopausa há mais de um ano, tais como ondas de calor e suor excessivo, distúrbios do sono, comportamento depressivo, nervosismo e sinais de involução da bexiga e dos órgãos genitais.

Além disso, dependendo do seu histórico clínico e estilo de vida, também pode ser usado na prevenção da osteoporose em mulheres que são mais predispostas ao desenvolvimento dessa doença, quando atingem uma idade mais avançada.

Posologia

Como usar?

No caso da pessoa não ter utilizado estrogênio no mês anterior ou se estiver mudando de um medicamento contendo associação de uso contínuo, pode iniciar o tratamento com Angeliq em qualquer dia.

A dose usual é de um comprimido ao dia, de preferência à mesma hora.

Caso a pessoa se esqueça de tomar um comprimido, deve tomá-lo assim que possível. No entanto, se passaram mais de 24 horas, não se deve ingerir o comprimido esquecido.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Durante os primeiros meses de tratamento, pode ocorrer dor nas mamas e sangramento vaginal em períodos inesperados, que normalmente desaparecem com a continuação do tratamento.

Além disso, pode ocorrer depressão, instabilidade emocional, irritabilidade, dor de cabeça, dor abdominal, náuseas, abdômen aumentado, tumor benigno de mama, aumento das mamas, tumor benigno no colo do útero, distúrbio menstrual, corrimento, fraqueza e edema localizado.

Com menos frequência pode ocorrer aumento ou diminuição do peso, anorexia, aumento do apetite, aumento de gorduras no sangue, distúrbios do sono, ansiedade, diminuição do desejo sexual, formigamento ou adormecimento de mãos ou pés, diminuição da capacidade de concentração, tontura, distúrbios visuais, palpitação, embolia, formação de coágulo na veia, pressão alta, enxaqueca, inflamação na veia causada por coágulo sanguíneo, veias varicosas, respiração encurtada, diarréia, prisão de ventre, vômito, boca seca, gases, alteração do paladar, acne, alopécia, coceira, erupção cutânea, hirsutismo, dor nas extremidades, dor nas costas, dor nas juntas, cãibras musculares, infecção no trato urinário, tumor benigno no útero, nódulo nas mamas, distúrbio uterino, distúrbio nos ovários, distúrbio na camada de revestimento do útero, dor pélvica, infecção genital com corrimento, candidíase vaginal, ressecamento vaginal, inchaço generalizado, dor no peito, mal-estar e transpiração aumentada.

Contraindicações

Quando não devo usar?

Este remédio não deve ser usado em mulheres com sangramento vaginal sem motivo, câncer de mama ou outras doenças malignas influenciadas por hormônios sexuais, presença ou antecedente de tumor no fígado, doença grave no fígado, presença ou antecedente de doença renal grave, história recente de ataque cardíaco ou derrame, história atual ou anterior de trombose nos vasos sanguíneos das pernas ou dos pulmões ou níveis muito elevados de triglicérideos.

Além disso, também não deve ser usado na gravidez ou lactação, ou em pessoas com alergia a qualquer um dos componentes de Angeliq.

Mecanismo de Ação

Como funciona?

Angeliq ontém estradiol e drospirenona que são hormônios que deixam de ser produzidos durante o climatério. Desta forma, este medicamento repõe os hormônios que o organismo não produz mais.

As principais melhorias podem ser observadas nos sintomas somáticos, ansiedade e dificuldades cognitivas. Além disso, em mulheres após a menopausa, o risco de desenvolverem câncer no intestino grosso pode ser reduzido, assim como a osteoporose.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

O Angeliq não deve ser utilizado durante a gravidez e a amamentação, e deve ser usado com precaução em pessoas com risco aumentado de trombose, excesso de peso, ferimentos graves ou doença renal leve a moderada.

Além disso, devem ser realizados exames com frequência, como exame ginecológico, das mamas, avaliação da pressão arterial e outros exames que forem julgados adequados pelo médico.

O Angeliq deve ser descontinuado se ocorrer pela primeira vez enxaqueca ou agravamento de enxaqueca preexistente, dor de cabeça com intensidade ou frequência incomuns, distúrbios repentinos de visão, audição ou veias inflamadas, ocorrência de gravidez ou desenvolvimento de icterícia.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

A superdose pode causar náusea e vômito ou sangramento por privação.

Angelic engorda ou emagrece?

Depende da pessoa. Alguns dos efeitos secundários deste remédio são aumento de peso e do apetite, no entanto também podem ocorrer distúrbios do sistema nervoso e enjoos que diminuem a vontade de comer, podendo levar à perda de peso.

Composição

Cada comprimido revestido de Angeliq contém:

Estradiol________________________________________1 mg

Drospirenona____________________________________2 mg

Excipientes__________________________q.s.p. 1 comprimido

(Excipientes: lactose, amido, povidona, estearato de magnésio, hipromelose, macrogol, talco, dióxido de titânio, pigmento de óxido de ferro vermelho).

Laboratório

Bayer S.A.

- SAC 0800 7021241

Dizeres legais:

MS-1.7056.0039 | Farm. Resp.: Dra. Dirce Eiko Mimura
CRF-SP nº1616532
SAC 0800 7021241

< Anfugitarin Creme < Angeliq > Angiolot >
publicidade